ArtProtect produtos para conservação preventiva de obras de arte
Imagens com reflex

Artbak

artbak para obras de arte

A moldura de sua obra deve ser feita com os melhores materiais visando às melhores condições de conservação para sua longevidade e valorização.

Hoje, temos muitos materiais à disposição e muito já se avançou em termos de técnica de conservação e curadoria. Esse conceito conservation framing é fruto disso e especialmente da necessidade de unir exposição e preservação, usando-se de materiais inertes, desenvolvidos especialmente para esses objetivos.

Conservation framing nada mais é do que a construção de molduras com materiais para a conservação preventiva, evitando danos às obras e melhorando o acondicionamento e guarda sem precisar mantê-la a sete chaves. Assim, para as obras serem expostas sem nenhum risco, é preciso escolher um bom moldureiro e utilizar os materiais adequados.

A escolha deste tipo de moldura influencia inclusive nos valores das obras, pois, ao serem devidamente emolduradas, elas não ganham marcas e permanecem estáveis por muito mais tempo, enquadrando-se no padrão de obras em perfeito estado de conservação, sendo valorizadas no mercado.

      conservation framming Desenho baseado no site da Library of Congress, ilustrando um tipo de conservation framing.

MATERIAIS DESCRIÇÃO QUALIDADE
Fita de proteção do rebaixo da moldura Fita especial acid free, colocada em todo o rebaixo da madeira isolando a obra desta, protegendo-a dos gases emitidos pela moldura.
Vidro ou acrílico de proteção Vidro com proteção a radiação UV e anti-reflexo, invisível ao observador.
Passe-partout e fundo Cartão acid free com reserva alcalina, 100% algodão.
Articulação de papel japonês A obra deve ser presa ao cartão com papel japonês e adesivos especiais para conservação, inertes e reversíveis.
Proteção permanente do verso (backing board) Essa proteção deve ter alta resistência mecânica, barreira contra umidade, ser acid free e inerte. De preferência, com baixa espessura.


É recomendado que esses produtos tenham garantia museológica, para de fato garantirem a conservação de sua obra com a melhor qualidade e por muitos e muitos anos.



O que NÃO se deve fazer de modo algum, na moldura de uma obra, é:


- Usar fitas adesivas comuns no rebaixo da madeira e para prender a obra no cartão;

- Usar o aglomerado de fibras de madeira de alta densidade, como Eucatex, Duratex, Platex, Tablex, entre outros.;

- Emissores de VOC’s (Compostos orgânicos voláteis), em geral;

- MDF;

- Cartão ácido para preparar o Passe-partout e o fundo;

- Adesivos comuns para prender a obra ao fundo, ou unir as partes do cartão;

- Deixar a madeira da moldura em contato direto com a obra. Isso pode degradar o objeto porque a madeira emite muitos gases.

Alguns sites sobre o tema:

Library of Congress
http://www.loc.gov/preserv/care/mat.html


National Library of New Zealand
http://www.natlib.govt.nz/catalogues/library-documents/conservation-framing-of-artworks-on-paper


State Library Victoria
http://www.slv.vic.gov.au/explore/conservation-guides/framing-artworks-paper